044 Curtas e boas…

NUM FUTURO NÃO MUITO DISTANTE – A VELHICE –

Um casal idoso estava num cruzeiro e o tempo estava tempestuoso. Eles estavam sentados na traseira do navio, a olhar a lua, quando uma onda veio e levou a velha senhora. Procuraram por ela durante dias, mas não conseguiram encontrá-la.

O capitão enviou o velho senhor para terra, com a promessa de que o notificaria assim que encontrasse alguma coisa.

Três semanas passaram-se e finalmente ele recebeu um fax do navio. Ele leu:

“Senhor: lamento informar que encontramos o corpo da sua esposa no fundo do mar. Nós a içamos para o barco e, presa a ela, tinha uma ostra. Dentro da ostra havia uma pérola que deve valer 50.000 euros. Por favor, diga-nos o que fazer.”

O velho homem respondeu:

“Mande-me a pérola e atire de novo a isca.”

 *****************************************************

O médico atende o paciente idoso e milionário, que estava a usar um revolucionário aparelho de audição, e pergunta:

– E então, Sr. Almeida, está a gostar do aparelho?

– É muito bom! Respondeu o velhinho.

– E a família gostou?? Pergunta o médico.

– Não contei a ninguém ainda… Mas já mudei o meu testamento três vezes!

  *****************************************************

É um casal de 80 anos, que está a começar a ter problemas de memória. Eles vão ao médico para ser examinados. O médico faz um check-up e diz aos velhinhos que não há nada de errado com eles, mas que seria bom ter um caderninho para anotar as coisas.

À noite, quando estão os dois a ver televisão, o velhinho levanta-se e a mulher pergunta:

– Onde vais?

– À cozinha – responde ele.

– Não me queres trazer uma taça de gelado? – Pede ela.

– Lógico! – Responde o marido solícito.

– Não achas que seria bom escrever isso no caderno? – pergunta ela.

– Ah, então! Qual é? Ironiza o velhinho – Eu vou me lembrar disso!

Então ela acrescenta:

– Então coloca uma bola de morango por cima. Mas escreve para não ter perigo de te esqueceres.

– Eu lembro-me disso, queres uma bola de gelado com calda de morango.

– Ah! Aproveita e coloca um pouco de chantilly em cima! – pede a velha – Mas lembra-te do que o médico nos disse… escreve isso no caderno!

Irritado, o velhinho exclama:

– Eu já disse que me vou lembrar!!

De seguida vai para a cozinha.

Depois de uns vinte minutos, ele volta com um prato com uma omeleta.

A mulher olha para o prato e diz:

– Eu não disse que te ias esquecer? Onde está a torrada?

*****************************************************

Estava a ser realizada uma cerimónia funerária duma mulher que tinha acabado de falecer.

Ao final da cerimónia, os carregadores estavam a levar o caixão para fora, quando, acidentalmente, bateram numa parede, deixando o caixão cair. Eles escutaram um fraco lamento. Abriram o caixão e descobriram que a mulher ainda estava viva! Ela viveu por mais dez anos e, então, morreu.

Mais uma vez uma cerimónia foi realizada e, ao final dela, os carregadores estavam novamente a levar o caixão. Quando eles se aproximaram da porta, o marido gritou:

“Cuidado com a parede!!!!!”

  *****************************************************

Um casal de velhinhos vai ao escritório de um advogado para que seja preparado o divórcio. O advogado, vendo-os assim tão velhinhos, pergunta porquê que eles se querem divorciar naquela idade tão avançada.

Determinada ao divórcio a velhinha diz:

– Veja doutor, é que ele tem, com muitos esforços, uma única erecção no ano e…

O velhinho super nervoso interrompe e diz:

– E ela pretende que eu a desperdice logo com ela.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s